terça-feira, 9 de março de 2010

transformei-me em ninguém:

"...transformei-me em ninguém...uma alma sem vida...uma noite de solidão... esta morte que não chega...por que não leva este corpo que não suporta mais respirar.... nadar neste mar de dor....que transformou meu sangue....porque não leva deste mundo.... para outro que não existe....espere morte...espere....ponha-me em sua lista.... leve-me em teus braços...pois desejo não viver...sem mais o amor...sem mais a vida...sem mais você...




"..(lágrimas)...que posso fazer neste instante....a não ser chorar... não resta nada a fazer a não ser perder-se...morte triste....só lhe desejo...este meu corpo se foi a tempo.... pois ele já não tem você....o seu calor....esta boca se desfaz....pois não tenho seu beijo.... estas mãos já não escrevem....pois não tenho sua voz...sua imagem a inspirar.... meu pensamento não existe...pois não tenho o que pensar....você se foi....morte... este é o destino....deste DEVANEIO...que já não tem o que viver....que já não tem você.......faz-me dominar a quem se foi....faz dominar esta vida que não mais existe.... faz levar este que não suporta mais viver...faz levar...esta alma....e destrua-a no inferno... no calor do fogo....pois este é o único calor que posso sentir...pois o que desejo se foi... o calor do seu corpo...você....amor...estes versos...são seus... exprimem a realidade do fato...exprimem o meu sentimento....a verdadeira face...daquele que já não o tem.... esteja onde você estiver....estas palavras... soarão pelo espaço e marcarão o seu caminho....para que um dia possa lembra....de alguém que só amou... você..."

Sem comentários:

Enviar um comentário